7 hábitos saudáveis de casais que frequentam terapia

7 hábitos saudáveis de casais que frequentam terapia

mar001

A terapia do casamento não é apenas para casais em dificuldades, mas também para qualquer fase do matrimônio. Quando realizada desde o início do relacionamento, ela pode ajudar os cônjuges a permanecerem mais felizes e apaixonados.

O objetivo da terapia de casal psicanalítica é levar o inconsciente dos parceiros, ou seja, a trama inconsciente que gera conflitos, ao domínio da consciência, melhorando assim a comunicação entre os parceiros.

Além disso, um dos propósitos principais desse trabalho é aumentar a conscientização do casal sobre as mudanças de sentimentos e comportamentos no relacionamento.

A seguir, reunimos sete dicas valiosas de casais que frequentam terapia. Os depoimentos foram publicadas originalmente no portal jornalístico norte-americano the Huffington Post:

1 – Reconheça quando você está observando apenas a sua versão da história.

“A primeira vez que fomos à terapia de casal, eu me levantei do sofá e contei ansiosamente o meu lado dos eventos de uma só vez. Então eu me sentei e esperei que a terapeuta respondesse. Eu basicamente só queria ela ficasse do meu lado.

Às vezes, nós contamos histórias que podem ou não ser precisas porque queremos que as coisas sejam ou soem de uma certa maneira. Queremos ser vistos como o personagem principal e o mais importante. O problema é que em um relacionamento saudável, as duas pessoas são igualmente importantes e os dois lados de uma história têm seus pesos. Hoje em dia, eu realmente tento perceber quando crio uma narrativa, e asseguro que ela se alinhe com o que é real. Eu reconheço que a “história” do meu marido pode ser tão legítima quanto a minha. ” – Julia Dellitt, escritora, editora e professora de yoga.

2- Ouça mais do que você fala.

“Eu sou um faladora. A terapia ensinou a mim e a meu marido a ouvir mais do que falar. A escuta ativa nos ajuda a nos sentirmos ouvidos e entendidos. Esta é uma prática que usamos todos os dias. Nós nos esforçamos para ouvir, estar atentos e validar os sentimentos. Depois de ouvirmos, somos capazes de trabalhar nas raízes dos problemas e fazer um plano para resolvê-los. Isso faz com que tenhamos mais confiança um no outro. “- Mikki Bey Crawford, escritora

3 – Reserve momentos só para vocês dois, mesmo que isso signifique acordar mais cedo.

“Por meio da terapia com a minha esposa, aprendi que momentos reservados apenas para nós dois criam uma estrutura e melhoram o engajamento emocional. Mais importante ainda, constrói uma sensação de união. Acorde 10 minutos mais cedo da manhã para se conectar e abraçar a outra pessoa. Se isso leva ao sexo ou não, não importa, pois essa atitude de manhã prepara uma atmosfera para um dia mais amoroso. “- Moshe Ratson, terapêuta de casamento e família.

4 – Não ache que você sabe tudo sobre seu parceiro.

“Meu marido e eu estamos juntos há cinco anos e às vezes é tentador assumir que sei tudo o que há para saber sobre ele – o que não é verdade – especialmente quando se trata de conflitos. Lembro-me de ir à terapia uma vez e pensar: “Ah, é o que ele vai dizer e aposto que ele quer lidar com isso dessa maneira.” Então a conversa começou e eu percebi que eu estava errada. Percebi que ele tem seus próprios pensamentos e sentimentos. Lembre-se de ter uma mente aberta e dar ao seu parceiro espaço para se expressar. “- Julia Dellitt

5 – Peça um “break” se as coisas estão ficando muito intensas.

“Esta é uma regra para evitar conflitos. Se, por qualquer motivo, uma discussão ou desentendimento se intensificar e você se sentir sobrecarregado, você tem o direito de pedir um “tempo limite”. Sinta-se livre para dizer: “este não é um bom momento, me sinto sobrecarregado e preciso de um break. Mas não se esqueça de programar uma hora para conversar sobre o assunto dentro de 24 a 48 horas. “- Moshe Ratson

6 – Você pode ser honesto agora ou honesto mais tarde, mas eventualmente, você tem que dizer a verdade se deseja seguir em frente.

“Eu sou uma pessoa que gosta de agradar aos outros, então, em relacionamentos, costumo sentir a necessidade de esconder informações. Por que? Quero que todos gostem de mim. Aprendi rapidamente na terapia que não há outro caminho a seguir, senão ser honesto. Você está realmente desperdiçando tempo e dinheiro se você for a uma sessão de terapia sem estar disposto a compartilhar a verdade. Não há necessidade de ser franco 24 horas por dia, mas quando você está tendo um problema com a pessoa que ama, é melhor lidar com isso mais cedo ou mais tarde. Lidar com o problema imediatamente de uma forma compassiva, ao invés de procrastinar uma conversa, é a maneira mais rápida de resolver as coisas da melhor forma. “- Julia Dellitt

7 – Quando tudo falhar, se entregue a um abraço ou a um beijo.

“A terapia enfatizou a importância do toque físico em nosso casamento. É uma cura. Quando tudo falhar, beije.” – Mikki Bey Crawford